quarta-feira, 26 de maio de 2010

18:04 de uma quarta feira qualquer.



Chega

A Ana anda falando muito sobre uma coisa só, uma pessoa só.

Eu preciso pirar, jogar tudo para o alto, mandar todos ficarem aqui enquanto eu vou a merda.

A Ana só fala merda.
A Ana ainda é uma menininha.
A Ana é um menininha com medo de arriscar o futuro com medo de traçar uma linha errada na tela;
Só eu sei como é gostoso ser quem eu sou, ser o que eu sou.

A Ana me traz paz, a Ana é .... assim... ai .... tão assim Luisa.

Mas está um pouco difícil. tenho a impressão que eu num faço nada de bom.

A Ana nem sabe perder o controle

Eu nem sei o que aconteceu estava tudo encaixadinho, alias esse ano as coisas tem se encaixado. Se resolvido. Eu estou começando a achar que vou morrer cedo. Acho que vou morrer de medo.

A Luisa é teimosa e difícil de lidar.
Que porra é essa?

A Ana Luisa pede perdão aos leitores pelo post estranho e ruim.

É que daqui a 10 anos eu vou ler e pensar " A verdade é que eu sempre fui uma adolescente tola igual todas as outras"
Só a Ana sabe a besteira de ser quem ela é, o que ela é.

2 dizeres:

Rods disse...

Se você morrer cedo... vai ser um puta desperdício.

A Ana tá assim, meio Luisa.
Dá um tempo pra Ana.
Que a Luisa precisa.

Raphael Trew disse...

Somos o que somos e que se exploda o resto.

Suas diferenças marcarão sua existência nas lembranças de quem vc cativou.