quinta-feira, 15 de abril de 2010

Avulso

Tem gente que vai te achar idiota,
mas vai te querer por perto
tem gente que vai te odiar,
e te conhecer pouco
tem gente que vai te fazer sofrer
e ao mesmo tempo sorrir,
tem gente que vai te falar adjetivos
e propor verbos
que vai te falar coisas bonitas
e querer sexo
tem gente que vai te iludir
e depois desiludir
Tem gente que vai te fazer chorar
no gerúndio
e te fazer rir
no infinitivo
Tem gente que vai fazer você ler
e ao mesmo tempo sentir
Tem gente que vai falar de chuva
pensando seco
tem gente que vai falar de amor
friamente
e de dinheiro com ambição
tem gente que vai segurar sua mão
e palpitar seu coração.
Tem gente que vai ler isso
e achar ruim
O que vale é escolher com que “gente” você acha válido viver tudo isso.


tem gente que vai te despertar preconceito
e gente que vai agir preconceituosamente
tem gente que você vai ver por um dia
e vai continuar na sua mente
tem gente que você vai beijar
e esquecer o nome
tem gente que você vai saber o nome
e querer beijar
tem gente que te desperta desejo
e quem desperta repulsa
tem gente que você vai achar linda
e depois perceber que era a bebida
tem gente que vai te machucar
e gente que vai te ajudar a levantar
tem gente que vai te deixar cicatriz
O que não vale e não viver.

Tem gente que vai dançar a noite toda
e depois dormir de conchinha
tem gente que vai beber uma cerveja
e ficar bêbado
tem gente que você vai brigar
e amar
tem gente que você vai brigar por amor
só para se reconciliar depois
tem gente que você vai sentir ciúmes
e que vai sentir ciúmes de você
Tem tanta gente, para tanta coisa e tem você.

5 dizeres:

Rods disse...

Olha, eu acho que deveria parar de ler o seu blog. Ou então eu preciso achar coisa melhor pra não correr risco de te plagiar.

Raphael Trew disse...

Quem eu !
Não, só sou um mero personagem de um sonho que acabou pela metade.

Continue sempre desenhando com suas palavras.

Marcel Hartmann disse...

Tem gente pra todo o tipo de momento e situação.

E esse foi um dos teus melhores textos, Ana. Na boa. Para de escrever essas coisas pq às vezes rola aquela inveja literária hahaha

liviadibartolomeo disse...

Eu simplesmente amei o seu texto! Me identifiquei muito (até demais rs)

Raphael Trew disse...

Olá, obrigado por comentar em um dos meus blogs, mais tenho um blog que costumo postar todos os dias, se guise fique a vontade para me visitar. Coração de Tinta
http://coisasparaseler.blogspot.com/