terça-feira, 4 de novembro de 2008

Eu não sou um ser humano, sou uma DINAMITE.

Eu num sou brasileira, sou uma bomba nuclear.
Eu num sou ateu, sou uma cruzada.
Eu num sou par, sou sempre ímpar.
Eu num sou horário, sou a distração do tempo.
Eu num sou um longa metragem, sou uma peça de teatro.
Eu num sou a televisão, sou a propaganda.
Eu num sou socialista, sou cliente.
Eu num sou o viciado, sou o vício.
Eu num sou uma dor, sou quem a sente.
Eu num sou a miséria, sou a tecnologia
Eu num sou os EUA, sou o Iraque.
Eu num sou normal, sou uma ilusão imbecil.
Eu num sou porra nenhuma, sou uma merda qualquer.
Eu não sou um ser humano, sou uma DINAMITE.


Cansei disso.
"devolve aquela minha tv, que eu vou de vez"

3 dizeres:

Julia disse...

Que terça-feira sinistra.

Hoss, E. disse...

Justo.
Ou não.

Rods disse...

Só tome cuidado pra não explodir.