sexta-feira, 26 de setembro de 2008


Hello Stranger!
Se tem algo que eu amo de verdade são filmes, é meu universo idealizado; é um gosto/desejo amargo de estar ali produzindo e dirigindo aquela grandiosidade toda, mas quando aparece os créditos, o mundo real me puxa e eu volto por ócio de sempre.
Enfim esse filme é meio velho é de 2004,divinamente dirigido por Mike Nichols.Mas eu tinha de mostrar meu prestigio à quase perfeição do cinema.E mais difícil ainda, de me agradar, é uma adaptação do teatro.(Na minha opinião todos os filmes que são adaptações de teatro são "pobres", excepto Closer).Foi nesse filme que eu me apaixonei pela actuação da melhor atriz do mundo(na minha opinião) Natalie Portman e ainda conta com participações de Julia Roberts(Óscar de melhor actriz), Jude Law e Clive Owen.
Prova que a mentira faz parte do amor e a traição é uma consequência disso, que o amor se esvazia como o ar e que não existe intimidade.Se ainda não viu corra pra locadora mais próxima. E não se esqueça que o nome brasileiro é "Perto Demais".E vale lembrar que não existe meio termo, ou as pessoas o amam ou o odeiam.
A crítica e foto, complementam alguma coisa.
"É um tapa na cara de quem usa o cinema como combustível para fantasias escapistas de romances maravilhosos. Não é que o amor não exista, mas é inegável que "Closer" advoga muito bem a afirmação contrária. "
Bernardo Krivochein

Trailer
http://www.youtube.com/watch?v=ygGvkCYK42I

1 dizeres:

Rods disse...

Esse filme faz eu sentir-me sádico.
Também não assisti ele inteiro. Sempre da metade até o fim.