domingo, 30 de janeiro de 2011

Viajando do Jamais ao Sei lá.

Já decide que não vou continuar.Isso de crescer aos poucos dá muito trabalho.A gente descobre que gosta de alguém quando começa a fazer sacrifícios por essa pessoa.Isso acontece porque a gente quer ver no outro a nossa felicidade.
Sabe quando você acorda de manhã e decide se vai dormir mais um pouco ou se vai acordar logo daquele conforto?
Então é quase isso, no começo eu nem sonhava com ela.Hoje eu só consigo dormir se pensar nela.
Eu só preciso lembrar que eu não preciso e nem quero isso para viver, então eu penso em outras coisas, sonho com o mundo e acordo para conquistá-lo.
Está declarado o fim dessa brincadeira e, o pior de tudo, eu perdi.Desisti.
Pode brincar sozinha e me culpar por ser fraca.

Minha vida, sempre encontrando o caminho mais difícil e bonito de ligar um dia ao outro.

1 dizeres:

Rodolfo Licks disse...

Ver a nossa felicidade no outro... nunca pensei por esse lado.